A percepção dos professores de Matemática em relação a aprendizagem ou dificuldade dos alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental

Autores

DOI:

https://doi.org/10.23899/relacult.v5i4.1224

Palavras-chave:

Dificuldades. Matemática. Professores

Resumo

Este estudo discute sobre o ensino de Matemática nos anos finais do Ensino Fundamental, tendo como intencionalidade responder a seguinte indagação: Como os professores de Matemática de 6º ao 9º ano consideram a prendizagem ou as dificuldades dos alunos? Para dar conta de tal questão, usamos um questionário com oito professores de Matemática da rede municipal de ensino de Jaguarão/RS. As respostas dos questionários foram digitadas, organizadas em um quadro com todas as respostas e depois fizemos um recorte, considerando três questões relativas a percepção dos professores em relação as dificuldades dos alunos e como as mesmas são identificadas.  As análises foram organizadas a partir dos seguintes referenciais: Parâmetros Curriculares Nacionais (1998), Sadovsky (2010), Arlo e Skvsmose (2010) e Skovsmose (2001). O estudo aponta para as dificuldades trazidas dos anos iniciais, especialmente dos conceitos básicos (operações multiplicação e divisão) e tabuada, e, ainda, o elevado desinteresse dos alunos nas situações de ensino. Conclui-se que as dificuldades dos alunos, de acordo com os professores, estão centradas no bloco de conteúdos Números e Operações, com isso há a necessidade de propor outros modos de ensinar Matemática, na perspectiva de envolver os alunos para que realizem aprendizagens.

 

 

Biografia do Autor

Charles Eduardo Cruz do Amaral, Universidade Federal do Pampa - UNIPAMPA

Área da Educação

Marta Cristina Cezar Pozzobon, Universidade Federal do Pampa - UNIPAMPA

Área da Educação

Referências

ALRO, Helle; SKOVSMOSE, O. Diálogo e Aprendizagem em Educação Matemática. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2010

BRASIL, Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática: Primeiro e Segundo ciclos do Ensino Fundamental. Brasília: SEF/MEC, 1997.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular – BNCC. Brasília, DF, 2017.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1999

SADOVSKY, Patrícia. O ensino de matemática hoje. Enfoques, sentidos e desafios. 1.ed. São Paulo: Ática, 2007.

SKOVSMOSE, O. Educação Matemática crítica: a questão da democracia. Campinas: Papirus, 2001, Coleção Perspectivas em Educação Matemática, SBEM,

Downloads

Publicado

05/05/2019

Como Citar

Cruz do Amaral, C. E., & Cezar Pozzobon, M. C. (2019). A percepção dos professores de Matemática em relação a aprendizagem ou dificuldade dos alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental. RELACult - Revista Latino-Americana De Estudos Em Cultura E Sociedade, 5(4). https://doi.org/10.23899/relacult.v5i4.1224

Edição

Seção

IV - Encontro Humanístico Multidisciplinar