Jogo digital AcessaExata “Ciências Exatas Interdisciplinar - integrando linguagens da ciência com a acessibilidade para surdos”

Autores

DOI:

https://doi.org/10.23899/relacult.v5i4.1377

Palavras-chave:

acessibilidade, surdo, jogo-digital, física, aplicativo.

Resumo

O curso de Física apresenta um alto índice de desistência na Universidade Federal do Rio Grande - FURG, em especial no primeiro ano desse curso. O problema se agrava ainda mais no que tange as questões de acessibilidade, implicando que ações com práticas inclusivas das pessoas com deficiência auditiva devem ser exploradas nas Universidades. Visto isso, decidimos buscar outra estratégia, nesse caso, decidimos desenvolver um jogo educativo com acessibilidade para surdos, para contextualizar as linguagens cientificas. A partir disso, pesquisamos nos anais dos eventos ENPEC e SNEF para ficarmos cientes do que está sendo utilizado e como está sendo utilizado, e com esta pesquisa percebemos que pouquíssimos grupos estão utilizando de seu próprio aplicativo, o que pode trazer algumas limitações e improvisos. Nosso método foi identificar um problema, debater a melhor forma para resolvê-lo e então agir sem que tivéssemos que improvisar a frente de uma limitação (baseada em nossos planos) de um aplicativo de terceiros. Um dos diferenciais do nosso aplicativo é o método de ensino, que tem como objetivo, apresentar as diversas representações de um mesmo fenômeno. O aplicativo se mostra relevante para que esse estudante possa colocar diversas representações do mesmo fenômeno (ou modelo matemático) lado a lado, provocando-o a compreender suas vantagens e limitações. O aplicativo também está pronto para receber e trabalhar com outros conteúdos, podendo assim ter novas extensões, como Biologia, Química, Matemática, entre outros.

Biografia do Autor

Wesley Alberto de Farias, Universidade Federal do Rio Grande

Graduando em Sistemas de Informação

Lattes: http://lattes.cnpq.br/6456559177095595

Referências

BREUER, J.; BENTE, Gary. Why so serious? On the relation of serious games and leraning. Eludamos. Journal for Computer Game Culture, v. 4, n. 1, p. 7-24, 2010.

EVAGOROU, M. The role of visual representations in scientific practices: from conceptual understanding and knowledge generation to ‘seeing’ how Science Works. International Journal of STEM Education, Setembro, 2015. Disponível em: https://stemeducationjournal.springeropen.com/articles/10.1186/s40594-015-0024-x. Acesso em: 11 ago. 2018.

GILBERT, J. K. The role of visual representations in the learning and teaching of Science: An introductin Asia-Pacific Forum on Science Learning and Teaching, v. 11, n. 1. 2010.

GRIFFITHS, M. D. The educational benefits of videogames. Education and Health. Exeter: SHEU. V. 20, n. 3, p. 47-51. 2002.

LEMKE, J. L. Teaching all the languages of Science: words, symbols, images and actions. Conference on Science Education, 1998, Barcelona. Disponível em: http://academic.brooklyn.cuny.edu/education/jlemke/papers/barcelon.htm. Acesso em 21 dez. 2018.

Downloads

Publicado

05/05/2019

Como Citar

de Farias, W. A. (2019). Jogo digital AcessaExata “Ciências Exatas Interdisciplinar - integrando linguagens da ciência com a acessibilidade para surdos”. RELACult - Revista Latino-Americana De Estudos Em Cultura E Sociedade, 5(4). https://doi.org/10.23899/relacult.v5i4.1377

Edição

Seção

IV - Encontro Humanístico Multidisciplinar