Imigrantes Hispano-Americanos no Brasil: Língua, Cultura e Identidades

Autores

DOI:

https://doi.org/10.23899/relacult.v3i3.650

Palavras-chave:

Cultura, Hispano-americanos, Identidades, Imigrantes, Língua.

Resumo

O trinômio que alicerça o subtítulo deste ensaio está circunscrito e intrinsecamente relacionado com meu interesse de pesquisa: imigrantes hispano-americanos no Brasil e mais especificamente os imigrantes bolivianos que chegam a São Paulo. Esses passam por um processo de (des)fragmentação de sua identidade e de (in)visibilidade social levada a termo especialmente através da língua(gem) (SÁ, 2015). Logo, ressalto que este ensaio é fruto de reflexões oriundas de uma pesquisa realizada junto ao Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade de Brasília. Posto isto, destaco que meu almejo é fazer uma sucinta incursão nessa temática ao longo deste texto tendo a questão do acolhimento por um viés interculturalista como pano de fundo.

Biografia do Autor

Rubens Lacerda de Sá, Universidade Federal de Lavras

Professor Assistente do Departamento de Estudos da Linguagem da Universidade Federal de Lavras (UFLA). Doutorando em Linguística Aplicada (UNICAMP), Mestre em Linguística (UnB), Especialista no Ensino de Língua Estrangeira para Fins Específicos (UFMT) e Bacharel em Letras (UCCB). Líder do grupo de pesquisas: Grupo Interdisciplinar de Estudos de Linguagem (GIEL/CNPq) na UFLA. Membro do Núcleo de Estudos em Linguagens e Políticas Públicas em Educação (NELPPE/CNPq) do IFTO. Projeto de pesquisa e de extensão atuais: Programa(s) de Internacionalização do Ensino Superior: Acolhimento a Imigrantes, Multilinguismo e (Inter)culturalidade Crítica. Interesses de pesquisa: Internacionalização da Educação, Linguística Aplicada Crítica, Translinguismo, Superdiversidade, (Inter)culturalidade, Heteroglossia, Políticas Linguísticas e de Acolhimento a Imigrantes, Estudos Discursivos, Educação e Tecnologias da Informação e Comunicação.

Referências

ADAMS, J. T. The Epic of America. New York: Blue Ribbon Books, 1931.

ANZALDÚA, G. Borderlands/ La Frontera: The New Mestiza. 25th Anniversary. Fourth Edition. San Francisco: Aunt Lute Books, 2012.

AURÉLIO. Dicionário Eletrônico. Versão 2.2.1 (156). Apple Inc., © 2005-2011.

BAUMAN, Z. Modernidade e Ambivalência. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1999.

BHABHA, H. K. O Local da Cultura. Trad. Myriam Ávila, Eliana Lourenço de Lima Reis e Gláucia Renate Gonçalves. 2 ed. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2013.

BLOMMAERT, J. Language Policy and National Identity. In: RICENTO, T. (ed.) An Introduction to Language Policy: Theory and Method. Malden, MA: Blackwell, 2006, p. 238-254.

BOURDIEU, P. A Economia das Trocas Linguísticas: O Que Falar Quer Dizer. São Paulo: Edusp, 1998.

CALVET, L-J. Bourdieu et la langue. Sciences Humaines, Numéro Spécial, p. 58-61, 2002.

CANAGARAJAH, A.S. The Ecology of Global English. International Multilingual Research Journal, v. 1/2, 2007, pp. 89-100.

DERRIDA, J. Margens da Filosofia. Campinas, SP: Papirus, 1991b.

DEWEY, J. Essays in Experimental Logic. Ed. Hester, Micah and Talisse, Robert. Carbondale: Southern Illinois University Press, 2007.

FOUCAULT, M. Os Anormais. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

_____________. Microfísica do Poder. Rio de Janeiro: Editora Graal, 2016.

GARCIA CANCLINI, N. Culturas Híbridas. São Paulo: EDUSP, 2008.

________________. Diferentes, Desiguais e Desconectados. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2015.

GROSSO. M. J. et al. (Eds.) O Português para Falantes de Outras Línguas: o Utilizador Independente no País de Acolhimento. Lisboa: Agência Nacional para a Qualificação, I.P., 2009.

HALL, S. A Identidade Cultural na Pós-modernidade. Trad. Tomaz Tadeu da Silva e Guacira Lopes Louro. 12ª ed. Rio de Janeiro: Lamparina, 2015.

JAFFE, A. Multilingual Citizenship and Minority Languages. In: Martin-Jones, M.; Blackledge, A. Creese, A. (eds.) The Routledge Handbook of Multilingualism. London: Routledge, 2012, pp. 83-99.

JACQUEMET, M. Transidiomatic Practices: Language and Power in the Age of Globalization. Language & Communication, Volume 25, Issue 3, July 2005, pp. 257-277.

MAHER, T. Do Casulo ao Movimento: A Suspensão das Certezas na Educação Bilíngue e Intercultural. In: CAVALCANTI, M. BORTONI-RICARDO, S.M. (Orgs.). Transculturalidade, Linguagem e Educação. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2007a, pp. 67-94.

__________. A Educação do Entorno para a Interculturalidade e o Plurilinguismo. In: KLEIMAN, A.B.; CAVALCANTI, M. (Orgs.) Volume Comemorativo do Jubileu de Prata do DLA/UNICAMP. Campinas, SP: Mercado das Letras, 2007b, pp. 255-270.

PILLER, I. Multilingualism and Social Exclusion. In: Marilyn Martin-Jones, Adrian Blackledge, and Angela Creese (Eds.) The Routledge Handbook of Multilingualism. New York: Routledge, 2012, pp. 281-296.

POPPER, K. R. A Ciência Normal e seus Perigos. In: LAKATOS, I.; MUSGRAVE, A. (Orgs.). A Crítica e o Desenvolvimento do Conhecimento. Trad. Octavio Mendes Cajado. São Paulo: Cultrix, 1979, pp. 63-71.

______________. Conjecturas e Refutações: Desenvolvimento do Conhecimento Científico. Coimbra: Almedina, 2003.

ROCHA, C.H. Reflexões e Propostas sobre Língua Estrangeira no Ensino Fundamental I: Plurilinguismo, Multiletramentos e Transculturalidade. Campinas, SP: Pontes Editores, 2012.

ROJO, R.H.R. Fazer Linguística Aplicada em Perspectiva Sócio-histórica: Privação Sofrida e Leveza de Pensamento. In: MOITA-LOPES, L.P. (Org.). Por uma Linguística Aplicada Indisciplinar. São Paulo: Parábola Editorial, 2006. SÁ, R.L. Imigração Hispanoamericana em São Paulo, (Des)construção Identitária e Inclusão dos (In)visíveis: um Olhar da Linguística Sistêmico-Funcional. In: III Workshop Systemic Across Languages. Brasília: Universidade de Brasília, 2014.

________. A Imigração Boliviana em Mares Paulistanos Dantes Navegados: Inclusão dos (In)visíveis e (Des)construção Identitária. 186 f. Dissertação (Mestrado). Brasília: Universidade de Brasília, 2015.

________. Imigrantes Hispano-Americanos, (Inter)culturalidade Crítica e Língua Portuguesa. Revista Estudos Acadêmicos de Letras. Centro de Estudos e Pesquisas em Linguagem e Centro de Estudos e Pesquisas em Literatura da Universidade do Estado de Mato Grosso. v. 10, nº 01, Julho, 2017.

WOODWARD, K. Identidade e Diferença: Uma Introdução Teórica e Conceitual. In: SILVA, T. T. (Org.). Identidade e Diferença: A Perspectiva dos Estudos Culturais. Petrópolis: Vozes, 2000.

Downloads

Publicado

21/08/2018

Como Citar

Sá, R. L. de. (2018). Imigrantes Hispano-Americanos no Brasil: Língua, Cultura e Identidades. RELACult - Revista Latino-Americana De Estudos Em Cultura E Sociedade, 3(3). https://doi.org/10.23899/relacult.v3i3.650

Edição

Seção

Artigos - Fluxo Contínuo