Decolonizar a diversidade cultural: Outras interpretações possíveis sobre a proteção e promoção da diversidade das expressões culturais

Autores

  • Giuliana Kauark UFBA

DOI:

https://doi.org/10.23899/relacult.v3i3.573

Palavras-chave:

Convenção, Decolonialidade, Diversidade Cultural, Unesco

Resumo

Na contemporaneidade, a diversidade cultural emerge como conceito jurídico e político não isento de disputa entre visões hegemônicas e contra-hegemônicas. Para melhor compreender essa problemática, neste artigo situaremos a emergência da diversidade cultural na agenda internacional por meio da criação da Convenção de 2005 da Unesco sobre a proteção e a promoção da diversidade das expressões culturais. Identificaremos, assim, o discurso hegemônico sobre diversidade cultural. Na sequência, analisaremos a diversidade cultural através do referencial teórico relativo ao pensamento decolonial, de modo a trazer outras interpretações possíveis.

Biografia do Autor

Giuliana Kauark, UFBA

Doutora em Cultura e Sociedade pela UFBA

Referências

ALVAREZ, Vera Cíntia. Diversidade Cultural e Livre Comércio: Antagonismo ou Oportunidade? Brasília: UNESCO, IRBr, 2008. 292p. (Obra completa)

CUELLAR, Javier Pérez (org). Nossa diversidade criadora. Campinas - SP: Papirus, Brasília: Unesco, 1997. 416p. (Obra completa)

CUNHA, Eneida Leal. A emergência da cultura e da crítica cultural. Cadernos de Estudos Culturais, v. 1, p. 73-82, 2009. (Artigo em Periódico Físico)

KRAUSE, Anthony. Entrevista concedida à autora. Paris, UNESCO, 16 jun. 2016. (Entrevista)

MATTELART, Armand. Diversidade Cultural e Mundialização. São Paulo: Parábola, 2005. 167p. (Obra completa)

QUIJANO, Anibal. Colonialidade do poder, eurocentrismo e América Latina. In: LANDER, Edgardo (org). A colonialidade do saber: eurocentrismo e ciências sociais. Perspectivas latino-americanas. Argentina: CLACSO, 2005. Disponível em: . Acesso em: 16 jun. 17 (Capítulo de Livro)

SANTOS, Boaventura de Sousa. A gramática do tempo: para uma nova cultura política. São Paulo: Cortez, 2010. 511p. (Obra completa)

SANTOS, Boaventura de Souza. Pela mão de Alice. São Paulo: Cortez, 2006. 347p. (Obra completa)

SMIERS, Joost. Diversidade cultural como um conceito político: oportunidade e falha. (... e ainda alguma esperança se você desglobalizar um pouco). In: MIGUEZ, Paulo, BARROS, José Márcio, KAUARK, Giuliana (orgs.). Dimensões e desafios políticos para a diversidade cultural. Salvador: EDUFBA, 2014. p. 125-145. (Capítulo de Livro)

TIENDREBEOGO, Toussaint. Entrevista concedida à autora. Paris, Organização Internacional da Francofonia, 30 jun. 2016. (Entrevista)

Downloads

Publicado

31/12/2017

Como Citar

Kauark, G. (2017). Decolonizar a diversidade cultural: Outras interpretações possíveis sobre a proteção e promoção da diversidade das expressões culturais. RELACult - Revista Latino-Americana De Estudos Em Cultura E Sociedade, 3(3). https://doi.org/10.23899/relacult.v3i3.573

Edição

Seção

Artigos - Fluxo Contínuo