A guasqueria e a sua função econômica

Autores

  • Juliana Porto Machado UFPEL
  • Ronaldo Bernardino Colvero UNIPAMPA-São Borja

DOI:

https://doi.org/10.23899/relacult.v6i4.1770

Palavras-chave:

Guasqueria, memória, artesanato, fronteira

Resumo

A guasqueria é uma saber fazer artesanal que se mantém por meio da transmissão oral das técnicas de trabalho com o couro cru. Através da desta materia prima é possível a criação de diferentes objetos ligados a lida do campo. Mediante ao exposto, este artigo busca uma breve reflexão entorno  da inserção dessa manifestação artesanal no mercado informal, a metodologia utilizada foi revisão bibliografica.

 

Biografia do Autor

Juliana Porto Machado, UFPEL

Doutoranda em Memória Social e Patrimônio Cultural

Ronaldo Bernardino Colvero, UNIPAMPA-São Borja

Doutor em História (PUC-POA)

Referências

ALVIM, Maria Rosilene Barbosa. Artesanato, tradição e mudança social – Um estudo

a partir da “arte do ouro” de Juazeiros do Norte. In: RIBEIRO, Berta et al. O artesão

tradicional e seu papel na sociedade contemporânea. Rio de Janeiro: FUNARTE/Instituto

Nacional do Folclore, 1983.

ALVES, Ana Elizabeth Santos; ALMEIDA, José Rubens Mascarenhas de. Trabalho

informal em tempos “globalizacionistas”. Revista Histedbr On-line, Campinas, nº.

Especial, Maio,2009.

BARROSO, Eduardo Neto. O que é artesanato. Módulo 1. 2000. Disponível em:

http://rededegestoresecosol.org.br Acesso em 20 de agosto de 2019.

BRANDENBURG, Alfio. Colonos: subserviência e autonomia. In: FERREIRA, Â.;

DAMASCENO, D.; BRANDENBURG, A. Para pensar outra agricultura. Curitiba:

Ed. UFPR, 1998.

CANCLINI, Néstor Garcia. Culturas Híbridas: estratégias para entrar e sair da

modernidade. Trad. Ana Regina Lessa e Heloísa P. Cintrão. São Paulo: Edusp, 2008.

CANDAU, Joel. Memória e Identidade. São Paulo: Contexto, 2009.

CORREA, Rosilda; LOPES, Janete Leige. Mercado de Trabalho Informal: Um

comparativo entre Brasil e Paraná numa trajetória de “10 anos”. IV Encontro de

produção Científica e Tecnológica, 2009. Disponível em:

http://www.fecilcam.br/nupem/anais_iv_epct/PDF/ciencias_sociais/11_CORREA_LOP

ES Acesso em 21 de agosto de 2019.

GARCÍA, Rocío. De la yerra a la Vitrina: Transformaciones contemporáneas de la

guasquería. Montevideo: Trama Revista de Cultura y Patrimonio. ano 1, nº 1,

setembro 2009.

HALBWACHS, Maurice. Memória Coletiva. RJ:Vertice, 1990.

HOBSBAWM, Eric & RANGER, Terence. A Invenção das Tradições. Rio de

Janeiro:Paz e Terra, 1984.

KELLER, Paulo. O artesão e a economia do artesanato na Sociedade contemporânea.

Maranhão: Revista de Ciências Sociais Política e Trabalho, 2014.

LENCLUD, Gérard. A Tradição não é mais o que era: Sobre as noções de Tradição e

de Sociedade Tradicional em Etnologia. Brasília: História, histórias. vol. 1, n. 1, 2013.

LUVIZOTTO, Caroline Kraus. As tradições gaúchas e sua racionalização na

modernidade tardia. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2010.

MARINHO, Heliana. Artesanato: tendências do segmento e oportunidades de negócios,

MARTINS, Saul. Contribuição ao estudo científico do Artesanato. Belo Horizonte:

Imprensa oficial do Estado de Minas Gerais, 1973.

NORA, Pierre. Entre memória e história: a problemática dos lugares. Projeto História.

São Paulo: PUC-SP. N° 10, p. 12. 1993.

SANCHES, Lucinéia.; SANTOS, Marina Alcântara dos. A. A assessoria técnica para a

produção de artesanato na economia solidária desenvolvida pelo profissional de moda

como possibilidade de inclusão social: o caso Enloucrescer. Natal, 2010. Disponível em:

http://www.cchla.ufrn.br/cnpp/pgs/anais/ Acesso em: 28 de agosto de 2019.

QUEIROZ, Maria Isaura Pereira de. O campesinato brasileiro: ensaios sobre civilização

e grupos rústicos no Brasil. Petrópolis: Vozes, 1973.

Downloads

Publicado

29/03/2020

Como Citar

Machado, J. P., & Colvero, R. B. (2020). A guasqueria e a sua função econômica. RELACult - Revista Latino-Americana De Estudos Em Cultura E Sociedade, 6(4). https://doi.org/10.23899/relacult.v6i4.1770

Edição

Seção

V - Encontro Humanístico Multidisciplinar

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)