Muito Além De Wakanda: um estudo acerca dos aspectos cultural e identitário no filme Pantera Negra

Autores

  • Wesley Guilherme Idelfoncio Vasconcelos Universidade Federal do Cariri
  • Adler Freires Sousa Universidade Federal do Cariri
  • Ricardo Rigaud Salmito Universidade Federal do Cariri

DOI:

https://doi.org/10.23899/relacult.v5i5.1608

Palavras-chave:

Antropologia, Cinematografia, Cultura, Identidade, Pantera Negra,

Resumo

O presente artigo tem por objetivo analisar o filme Pantera Negra, do diretor norte-americano Ryan Coogler, que foi lançado no mês de fevereiro ano de 2018 no Brasil pela Marvel Studios e Walt Disney Pictures. Tal produto audiovisual será examinado no tocante aos aspectos cultural e identitário, sobre a ótica antropológica e cinematográfica. O trabalho, a partir de uma metodologia de cunho bibliográfico, juntamente com a análise do conteúdo da obra, buscará observar relações entre a construção dos personagens e do mundo fictício de Wakanda tendo com os temas citados acima, bem como suas implicações dentro do mundo ficcional e fora dele a metodologia de análise fílmica é baseada nos estudos da professora Manuela Penafria. Serão abordados conceitos e autores tais como Durval Muniz, Peter Burke e Michel Serres, para que através de seus estudos sobre identidade e cultura este artigo consiga elucidar seus leitores acerca do objeto de estudo selecionado. Além destes temas, o trabalho analisará as relações existentes entre antropologia, cinema e cultura, abordando autores como Walter Benjamin, Roque Laraia e Andréa Barbosa, visando assim uma melhor construção de sua análise bem como um aprofundamento necessário para o melhor entendimento do seu objeto de estudo. 

Biografia do Autor

Wesley Guilherme Idelfoncio Vasconcelos, Universidade Federal do Cariri

Graduando em Jornalismo pela Universidade Federal do Cariri (UFCA), Bolsista de iniciação científica pela Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - FUNCAP; Membro do Centro de Estudos e PEsquisa em Jornalismo (CEPEJor/CNPq) da UFCA

Adler Freires Sousa, Universidade Federal do Cariri

Graduando em Jornalismo pelaa Universidade Federal do Cariri (UFCA), bolsista no projeto Memórias Kariri (PROEX/UFCA)

Ricardo Rigaud Salmito, Universidade Federal do Cariri

Graduação em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará (1996), especialização em Teorias da Comunicação e da Imagem pela UFC (1998) e mestrado em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia (2002). Professor Adjunto do curso de Jornalismo da Universidade Federal do Cariri (UFCA).

Referências

ADORNO, T.; HORKHEIMER, M. A Indústria Cultural: O Esclarecimento Como Mistificação das Massas. In: Dialética do Esclarecimento: Fragmentos Filosóficos. Zahar. Rio de Janeiro, 1987.

ALBUQUERQUE JÚNIOR, D. M.. Fragmentos do discurso Cultural: por uma análise crítica do discurso sobre a cultura no Brasil. In: NUSSBAUMER, Gisele Marchiori (Org.). Teorias e políticas da cultura: visões multidisciplinares. Salvador: EDUFBA, 2007.

__________. Fragmentos do discurso Cultural: por uma análise crítica do discurso sobre a cultura no Brasil. In: NUSSBAUMER, Gisele Marchiori (Org.). Teorias e políticas da cultura: visões multidisciplinares. P. 17. Salvador: EDUFBA, 2007.

BARBOSA, A.; CUNHA, E. T.. Antropologia e Imagem. Jorge Zahar Editor. p. 8. Rio de Janeiro. 2006.

__________. Antropologia e Imagem. Jorge Zahar Editor. p. 13. Rio de Janeiro. 2006.

__________. Antropologia e Imagem. Jorge Zahar Editor. p. 30. Rio de Janeiro. 2006.

BARBOSA, A. C. M. M. O Filme Dentro do Filme. Revista de Antropologia, USP. São Paulo, v. 43, n.1. p. 275-281, 2000.

BENJAMIN, W.. A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica. In: Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre a literatura e história da cultura. p. 187. Brasiliense. São Paulo, 1994.

BETTON, G.. Estética do Cinema. Martins Fontes. São Paulo, 1987.

__________. Estética do Cinema. Martins Fontes. p. 1. São Paulo, 1987.

BOAS, F. apud HOEBEL, E. A.; FROST, E. L. Antropologia Cultural e Social. Cultrix. p. 22. São Paulo. 2006.

BURKE, P. Hibridismo Cultural. São Lelpoldo. Editora Unisinos, 2003.

CAMPOS, G. Os 10 Mais Bilionários dos Quadrinhos. Portal ei Nerd! 2018 Disponível em <https://www.einerd.com.br/quadrinhos/os-10-mais-bilionarios-dos-quadrinhos/> Acesso em 26 de junho de 2018.

FARIAS, T. Pantera Negra e Antropologia Cultural. Portal Mente Insana Mente, 2018. Disponível em <http://menteinsanamente.16mb.com/pantera-negra-e-antropologia-cultural/> Acesso em 26 de junho de 2018.

FIDALGO, A.; GRANDIM, A. Manual de Semiótica. p. 57. Universidade da Beira Interior, Portugal, 2005.

HOEBEL, E. A.; FROST, E. L. Antropologia Cultural e Social. Cultrix. p. 8-9. São Paulo. 2006.

HERÓDOTO apud LARAIA, R. B. Cultura: um conceito antropológico. p. 10-11. Jorge Zahar. Rio de Janeiro, 2009.

__________. Cultura: um conceito antropológico. p. 11. Jorge Zahar. Rio de Janeiro, 2009.

LARAIA, R. B. Cultura: um conceito antropológico. Jorge Zahar. Rio de Janeiro, 2009.

MALINOVSKI, B. Os Argonautas do Pacífico Ocidental: um relato do empreendimento e da aventura dos nativos nos arquipélagos da Nova Guiné Melanésia. Abril Cultural. São Paulo, 1978.

PANTERA Negra. Direção: Ryan Coogler, Produção: Kevin Feige e David J. Grant. EUA. Marvel Studios, 2018, 1 DVD.

PENAFRIA, M. Análise de Filmes - conceitos e metodologia(s). VI Congresso SOPCOM, Universidade da Beira Interior, Portugal, 2009. Acesso em 21 de junho de 2018. Disponível em <http://www.bocc.ubi.pt/pag/bocc-penafria-analise.pdf>

SERRES, M. O que é identidade? Nota de Aula. S/d

SEVERINO, A.J. . Metodologia do Trabalho Científico. - 121. ed. rev. e atual. - São Paulo: Cortez, 2007.

__________. Metodologia do Trabalho Científico. p. 122- 23. ed. rev. e atual. - São Paulo: Cortez, 2007.

TYLER apud LARAIA, R. B.. Cultura: um conceito antropológico. Jorge Zahar. p.27. Rio de Janeiro, 2009.

Downloads

Publicado

31/05/2019

Como Citar

Vasconcelos, W. G. I., Sousa, A. F., & Salmito, R. R. (2019). Muito Além De Wakanda: um estudo acerca dos aspectos cultural e identitário no filme Pantera Negra. RELACult - Revista Latino-Americana De Estudos Em Cultura E Sociedade, 5(5). https://doi.org/10.23899/relacult.v5i5.1608

Edição

Seção

II - Seminário Latino-Americano de Estudos em Cultura