Lazer e Turismo na fronteira Jaguarão, BR-Río Branco, UY: mediações pelo Couchsurfing.org

Marcina Amália Nunes Moreira

Resumo


O artigo objetiva analisar as possibilidades de aproximação e distanciamento conceitual entre Lazer e Turismo, enquanto campos teóricos. Para tanto, toma-se como ponto de partida uma investigação netnográfica sobre a rede social de viajantes denominada Couchsurfing, “surfe de sofá”, traduzido da língua inglesa. O lócus físico da investigação deu-se na fronteira Río Branco, UY, Jaguarão, BR, possibilitando o entendimento da práxis de viagem nesse destino turístico através do olhar anfitrião e, também, viajante.


Palavras-chave


Turismo;Lazer; Rede Social.

Texto completo:

PDF

Referências


BENI, Mário Carlos. Análise estrutural do turismo. São Paulo: SENAC, 2001.

CARLOS, Ana Fani Alessandri. O Consumo do Espaço. In: (org.) CARLOS, Ana Fani Alessandri. Novos Caminhos da Geografia. São Paulo: Contexto, 2005, (p.173-186).

Couchsurfing. Disponível em: Acesso em: março de 2015.

CRUZ, Rita de Cássia Ariza da. Geografia do Turismo: de Lugares a Peseudo-lugares. São Paulo: Roca, 2002. 140p.

DUMAZEDIER, Joffre. Questionamento teórico do lazer. Porto Alegre: CELAR-PUC-RS, 1979.

DUMAZEDIER, Joffre. Sociologia empírica do lazer. São Paulo: Perspectiva, 1994.

FIGUEIREDO, Ana Flávia de A. Sobre buscas e sentidos em uma rede mundial de viajantes: The Couchsurfing Project. 2008. 122p. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de Pernambuco. Recife, 19 de dezembro de 2008.

GOMES, Christianne; ELIZALDE, Rodrigo. Horizontes latino-americanos do lazer. Belo Horizonte: UFMG, 2012.

GOMES, Christianne; PINTO, Leila. O lazer no Brasil: analisando práticas culturais, cotidianas, acadêmicas e políticas. In: GOMES, Christianne Luce. Lazer na América Latina. Tiempo libre, ocio y recreación en Latinoamérica. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2010, p. 67-122.

GOMES, Christianne L. et al. Turismo e lazer: reflexes no contexto da pós-graduação stricto sensu, nessa área, no Brasil. In: SEMINÁRIO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM TURISMO, 4, 2007, São Paulo. Anais...São Paulo: Aleph, 2007a.

KRIPPENDORF, J. Sociologia do Turismo: Para Uma Nova Compreensão do Lazer e das Viagens. São Paulo: Aleph, 2000.

LACERDA, Leonardo L. L. Interface turismo-lazer: encontros e desencontros. In: SEMINÁRIO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM TURISMO, 4, 2007, São Paulo. Anais...São Paulo: Aleph, 2007a.

LAVILLE, Christian; DIONNE, Jean. A construção do saber: manual de metodologia da pesquisa em ciências humanas. Belo Horizonte: UFMG, 1999.

MAINGUENEAU, D. Termos-chave da análise do discurso. Belo Horizonte: UFMG, 2000.

MOESCH, Marutschka. A produção do saber turístico. São Paulo: Contexto, 2002.

RAULINO, Gabriela; COSTA, Sebastião. Simbioses entre capitalismo, lazer e mídia. Culturas Midiáticas. Revista do Programa de Pós graduação em Comunicação da Universidade Federal da Paraíba. Ano VI, n. 10 – jan-jun/2013.

REJOWSKI, Miriam. Turismo e pesquisa científica: pensamento internacional X situação brasileira. Campinas-SP: Papirus, 1996.

TORRE, Oscar de La. El turismo, fenômeno social. Cidade do México: Fondo de Cultura Econômico, 1992.

URRY, John. O olhar do turista: lazer e viagens nas sociedades contemporâneas. São Paulo: Studio Nobel , SESC, 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.23899/relacult.v3i2.405

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Marcina Amália Nunes Moreira

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Qualis CAPES (2013-2016):

B5 - Ciência Política e Relações Internacionais; B5 - Ciências Agrárias I; C - Ciências Biológicas II; B5 - Comunicação e Informação; C - Direito; B2 - Ensino; C - História; B4 - Interdisciplinar; B5 - Letras/Linguística e C - Sociologia.

 

e-ISSN 2016/Atual: 2525-7870 | e-ISSN 2015/2016: 2447-018X

Realização:

Editora CLAEC - Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura

Endereço Eletrônico: relacult@claec.org


Contador disponível desde 05/2016.

universidades e ensino superior
contador de visitas