As micro-utopias de Vanessa De Michelis: território(s) de experimentação sonoro-político para a inclusão e colaboração

Rui Miguel Paiva Chaves, Vanessa De Michelis

Resumo


A experimentação musical e sonora brasileira, apesar de algumas excepções pontuais, tende a não promover a existência de espaços institucionais ou informais que façam uma programação afirmativa de artistas femininas e/ ou não-binárias. O artigo, primeiramente faz um percurso reflexivo sobre o processo artístico e ético-político da Vanessa De Michelis focando no seu trabalho de instalação, performance e oferta educativa. Este trabalho encontra paralelos com a ideia de micro-utopia(s) proposta por Nicolas Borriaud. Depois desse momento, o cerne do artigo é uma entrevista realizada em 2016, donde passamos pelo percurso biográfico da artista, a sua abordagem in(disciplinar), mas principalmente o seu esforço em construir uma audição e visibilização de um trabalho que foge às expectativas de gênero associadas ao fazer musical.

 


Palavras-chave


biografia; crítica institucional; performance não-binária; arte sonora; música experimental

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.23899/relacult.v6i1.1858

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Rui Miguel Paiva Chaves, Vanessa De Michelis

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

RELACult - Revista Latino-Americana de Estudos em Cultura e Sociedade

e-ISSN: 2525-7870

Facebook - Twitter - Instagram

Endereço eletrônico: relacult@claec.org


Qualis CAPES: B2 - Ensino; B4 - Interdisciplinar; B5 - Ciência Política e Relações Internacionais; B5 - Comunicação e Informação; B5 - Letras/Linguística; B5 - Ciências Agrárias I; C - Ciências Biológicas II; C - Direito; C - História e C - Sociologia.

 

Responsável Editorial:

Editora CLAEC - Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura

www.claec.org/editora

Endereço eletrônico: editora@claec.org