O Uso do Espaço do Centro de Interpretação do Pampa

Clarice de Freitas Pires

Resumo


Este artigo faz uma análise dos diferentes usos do espaço da chamada Enfermaria Militar, na cidade de Jaguarão, Rio Grande do Sul, Brasil. Este espaço já serviu para variados usos: quando hospital militar, quando escola, quando serviu de prisão política, quando virou ruína, quando virou parque e quando novamente virou apenas ruína, e agora como perspectiva futura enquanto Centro de Interpretação do Pampa.  Utilizamos para sua elaboração fontes primárias (documentos existentes, fotos, etc.) e fontes secundárias oriundas de estudos já realizados.  A partir dos dados coletados, apresentamos o envolvimento da comunidade demonstrando seu sentimento de pertencimento e identidade com o espaço analisado, ao mesmo tempo, propomos uma discussão para possibilidades futuras de uso pela comunidade após a construção do Centro de Interpretação do Pampa.

 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.23899/relacult.v1i02.129

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Clarice de Freitas Pires

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

RELACult - Revista Latino-Americana de Estudos em Cultura e Sociedade

e-ISSN: 2525-7870

Facebook - Twitter - Instagram

Endereço eletrônico: relacult@claec.org


Qualis CAPES: B2 - Ensino; B4 - Interdisciplinar; B5 - Ciência Política e Relações Internacionais; B5 - Comunicação e Informação; B5 - Letras/Linguística; B5 - Ciências Agrárias I; C - Ciências Biológicas II; C - Direito; C - História e C - Sociologia.

 

Responsável Editorial:

Editora CLAEC - Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura

www.claec.org/editora

Endereço eletrônico: editora@claec.org